Notícias

Alcatel-Lucent combina o melhor de Wi-Fi®e LTE

by Fiorentina on 27/05/2015

A Alcatel-Lucent (Euronext Parise NYSE: ALU)anunciou a sua estratégia de‘Wireless Unified Networks’que junta as capacidades de upload e download das tecnologias Wi-Fi®e celular para permitir uma maior capacidade e para facultar aos assinantes uma experiência mais consistente de acesso a voz, dados e vídeos de alta qualidade em locais de grande tráfego ou de parca cobertura. Esta abordagem vai permitir que os operadores combinem redes standalone celulares e Wi-Fi numa rede wireless unificada em casa, no escritório ou em ambientes de exteriores.

 

À medida que mais pessoas e equipamentos se ligam entre si, os operadores móveis e os seus clientes enfrentam um gigantesco desafio: como responder à procura de ligações de alta qualidade seguras, de alta velocidade e consistentes para vídeo e dados, estejam os assinantes ligados através de Wi-Fi ou de redes celulares. Muito embora ambas as tecnologias continuem a evoluir, cada uma tem desafios específicos que podem ter impacte na experiência do assinante. Ao combinar as vantagens únicas do Wi-Fi com as do LTE, é agora possível oferecer ao cliente uma experiência verdadeiramente apelativa.

 

Até agora, os operadores faziam a gestão dos utilizadores entre as redes celular e Wi-Fi para aplicarem load-balancingna rede. Havia ainda situações em que eram os próprios utilizadores a mudarem de rede em busca da melhor performance. A solução da Alcatel-Lucent unifica pela primeira vez a experiencia de utilização do Wi-Fi e da rede celular. Como parte da sua estratégia de Wireless Unified Networks, a Alcatel-Lucent está a apresentar duas capacidades separadas que juntam o acesso Wi-Fi e celular. O Wi-Fi boostrecorre à rede celular para melhorar a performance das redes Wi-Fi e o Cellular boostusa o espetro não licenciado para melhorar o desempenho do celular. Combinados, otimizam a performance para os subscritores usando ambas as tecnologias.

 

Mike Schabel, Vice President de Small Cells na Alcatel-Lucent referiu: “Tratámos até hoje historicamente o celular e o Wi-Fi como tecnologias únicas. Por exemplo, a indústria debate os méritos de Voz/Dados sobre Wi-Fi versus Voz/Dados sobre LTE. Mas do ponto de vista do consumidor, deveria tratar-se apenas e muito simplesmente de Wireless. Estamos muito contentes em dar com as Wireless Unified Networks passos importantes para transformar e melhorar significativamente a experiência wireless dos utilizadores em casa, nos escritórios e em redes densamente utilizadas, combinando as existentes redes de Wi-Fi e de tecnologia celular numa só rede de alto rendimento”.

 

Capacidades de melhorias Wi-Fi e celular

A estratégia de WirelessUnified Networksda Alcatel-Lucent envolve duas capacidades que podem ser aplicadas separadamente ou combinadas para facultar ainda maiores ganhos no que respeita a performance. A tecnologia de Wi-Fi boostda Alcatel-Lucent combina o downlink de Wi-Fi com o uplink do celular. Características:

 

  • Requer um update de OS nos equipamentos existentes que conseguem utilizar transmissões Wi-Fi e Celular.
  • Requer updates de software na rede para juntar as redes Wi-Fi e Celular numa única rede unificada.
  • Em casa, geralmente, o Wi-Fi boostconsegue melhorar as velocidades de download até 70% e as velocidades de upload na ordem de magnitude ou mais (comparado com o Wi-Fi standalone no limite da cobertura da célula), duplicando ainda a cobertura do Wi-Fi.

 

A Alcatel-Lucent vai testar as capacidades de Wi-Fi boost no segundo trimestre de 2015. A disponibilidade comercial deverá acontecer na segunda metade deste ano. A empresa está ainda a apresentar melhorias adicionais de performance acrescentando um donwlink celular ao downlink Wi-Fi do Wi-Fi boost. Esta prática é consistente com o standard de desenvolvimento conhecido como LTE Wi-Fi Aggregation (LWA), e pode mais do que duplicar as velocidades de download relativas a capacidades de redes standalone.

 

“A Ruckus Wirelessacredita que a iniciativa LWA tem enorme potencial de crescimento na indústria wireless. Nós apoiamos a iniciativa da Alcatel-Lucent de comercializar a integração e a convergência de redes Wi-Fi e celulares, e vamos focar-nos na introdução de tecnologias que melhoram as redes Wi-Fi de classe carrier da Ruckus para empresas e para prestadores de serviços”, disse Dan Rabinovitsj, Chief Operating Officer, Ruckus Wireless.

 

A Alcatel-Lucent está a colaborar com a Qualcomm Technologies, Inc., empresa subsidiária da Qualcomm Incorporated, com quem demonstrou o LWA no stand #3E10 no Mobile World Congress. Nessa apresentação foi revelado um débito de download de 600 Mbps usando pontos de acesso Wi-Fi com a metro cell 9764 MCO da Alcatel-Lucent e um equipamento móvel alimentado por um modem LTE Qualcomm® Snapdragon™ de próxima geração.

 

A tecnologia de Cellular boost da Alcatel-Lucent aproveita o espetro não licenciado para melhorar a capacidade e a performance da rede celular. A Alcatel-Lucent assume o compromisso de suporte aos testes globais desta tecnologia baseados em regras locais para a coexistência com Wi-Fi e outros utilizadores de espetro não licenciado, assegurando a adesão a standards assim que estes estejam disponíveis. À medida que os standards são ratificados, a Alcatel-Lucent planeia incluir a introdução de novas small cells com suporte para LTE-U e Licensed Assist Access (LAA).  A Alcatel-Lucent mostrou, de resto, o LTE-U a funcionar sem falhas com Wi-Fi no Mobile World Congress 2015.A empresa vai apoiar os testes na segunda metade de 2015 e irá apresentar soluções comerciais desta tecnologia no início do próximo ano.

 

WirelessUnified Networks

Como parte integrante da sua estratégia global para juntar as redes Wi-Fi e celular, a Alcatel-Lucent deu a conhecer muitos outros elementos do seu abrangente portfolio no Mobile World Congress, nomeadamente:

  • O sistema de gestão CloudBand™, que se assume como uma solução integrada para orquestrar a infraestrutura, as aplicações e a rede numa única plataforma NFV virtualizada.
  • Os Mobile and Wi-Fi gateways virtualizados e escaláveis incluem suporte melhorado para evolved Packet Data Gateway (ePDG+)e o uso simultâneo de ligações celulares (licenciadas) e Wi-Fi (não licenciadas) para melhorar a performance.
  • Soluções de IMS virtualizadasque disponibilizam uma experiência de comunicações escaláveis e sem falhas em várias redes e equipamentos.
  • Motive – solução de gestão de experiência do clientee analítica de big network que oferece uma experiência de alta qualidade mais consistente e que perspetivas sobre o desempenho da rede, dos equipamentos e do desempenho das aplicações.


“Ultimamente, temos vindo a ouvir falar acerca da forma como a LTE-U e LTE-AAA ajudam os operadores beneficiam de espetro não licenciado em conjunto com os seus ativos licenciados. É importante ver como a Alcatel-Lucent, como parte integrante de um ecossistema móvel de grandes dimensões, afirma o seu apoio a estas tecnologias. No entanto, é ainda melhor ver a empresa a olhar atentamente para o espetro não licenciado, para o LTE e para o Wi-Fi de forma mais holística dentro do contexto do lançamento das suas Wireless Unified Networks”, sublinhou Peter Jarich, VP de Consumer and Infrastructure Services da Current Analysis.  “A mistura de capacidades de Wi-Ficom redes celularespermite alcançar ganhos de performance que vão para lá dos das redes standalone. Vamos agora embarcar numa aliciante aventura de definição da estratégia de go-to-market para redes wireless dentro de edifícios, redes que juntem ambas as tecnologias e que melhorem a experiência de utilização dos consumidores e das empresas”.

O que achas do nosso artigo?
Muito Bom
0%
Bom
0%
Médio
0%
Pacifico
0%
Comments
Leave a reply

Leave a Response